NOTÍCIAS

Cuidados paliativos são preocupação e desejo da rede pública

0
(0)

ESPECIAL IBSP – CUIDADOS PALIATIVOS

 

Com a proximidade do Dia Mundial de Cuidados Paliativos, celebrado em 10 de outubro, crescem as discussões sobre o tema e a necessidade de implantação desse tipo de abordagem nos hospitais do País. Mas será que investir nessa área de atuação está entre as prioridades das gestões pública e privada?

De acordo com médico cardiologista e intensivista com área de atuação em Medicina Paliativa, Dr. Ricardo Tavares de Carvalho, que atua como diretor científico da Academia Nacional de Cuidados Paliativos (ANCP), existe um movimento para que a rede pública reconheça a importância e invista na área de atuação. “Não está incluído no sistema único de saúde, é um desejo, uma preocupação. Já existe um trabalho no Ministério da Saúde para se criar uma política pública em torno disso”, conta.

O profissional explica ainda que um dos principais motivos que emperra a implantação da abordagem nos hospitais públicos é a preocupação excessiva do controle de analgésicos fortes. “Essas drogas opióides são muito associadas ao vício. E esse é o grande terror. No entanto, do ponto de vista da literatura médica, isso é incomum. Nós damos conta de que isso possa acontecer em 1,5% dos casos, o que é pouco expressivo dentro do todo”, afirma.

Rede particular

Enquanto isso, na rede privada, o impasse se dá por um confronto de interesses financeiros, o famoso “quem vai pagar a conta?”. Para as operadoras de saúde, implantar a abordagem de cuidados paliativos é uma vantagem, pois tende a diminuir os gastos diretos com tratamento, que são responsabilidade dessas instituições. “Mas passa a consumir recursos indiretos, com Recursos Humanos”, explica Tavares.

O impasse se dá porque o salário de funcionários, bem como suas horas-extras e encargos empregatícios, tendem a aumentar. E, aí, essa conta quem paga são os hospitais.

 

Leia mais:

 

Saiba mais sobre o World Hospice and Palliative Care Day que é celebrado em 10 de Outubro no site: http://www.thewhpca.org/about

Conheça a Academia Nacional de Cuidados Paliativos: www.paliativo.org.br

 

Avalie esse conteúdo

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Comente

Veja outros conteúdos

Tudo
materiais-cientificos-icon-mini Materiais Científicos
noticias-icon Notícias
eventos-icon-2 Eventos