NOTÍCIAS

Segurança do Paciente

Entenda o que é segurança do paciente

Entenda o que é segurança do paciente
3
(2)

Segurança do Paciente

Considerado atualmente um campo de atuação de vanguarda para profissionais e gestores da área da saúde, a “Segurança do Paciente” sempre esteve nas bases da medicina e, consequentemente, nas bases de qualquer profissão como enfermagem, odontologia, fisioterapia, nutrição, etc. Afinal, não podemos esquecer que a Hipócrates, o pai da medicina ocidental, é atribuído o aforisma “Primum Non Nocere”, ou “primeiro não causar dano”.  Isso significa que a assistência ao paciente não deveria gerar consequências ruins aos indivíduos doentes.

Entretanto, nas últimas décadas, um número crescente de publicações científicas vem demonstrando que diversos pacientes sofrem danos causados por falhas na assistência prestada pelos serviços de saúde. Esses danos podem se traduzir em aumento do tempo de hospitalização, sequelas permanentes e até mesmo na morte do paciente.

Ao mesmo tempo, pudemos aprender que estes danos não são causados por profissionais de saúde mal intencionados, mas por problemas no complexo processo de cuidados em saúde que hoje é necessário para cuidar de um simples indivíduo. Em outras palavras, não basta que médicos, enfermeiros e outros profissionais que prestam assistência sejam completamente comprometidos em conseguir bons resultados. Erros que levem a um dano ao paciente acontecem porque o sistema de saúde e os processos de assistência nunca foram desenhados para que não ocorressem falhas. Pelo contrário, eles predispõem a uma série delas.

Diante deste cenário surge o campo de trabalho intitulado “Segurança do Paciente”, que é considerada a mais importante dimensão quando se fala em qualidade na assistência à saúde. Por Segurança do Paciente entende-se tudo aquilo que é estudado e aplicado na prática para que os riscos desses danos desnecessários diminuam até um nível aceitável, ou até mesmo que haja eliminação destes riscos.  Sendo assim, o cerne desta área de atuação é garantir que a filosofia hipocrática seja praticada, produzindo uma assistência em saúde que não cause mal ao paciente.

 

Leia mais:

 

Avalie esse conteúdo

Média da classificação 3 / 5. Número de votos: 2

Outros conteúdos do Acervo de Segurança do Paciente

Tudo
materiais-cientificos-icon-mini Materiais Científicos
noticias-icon Notícias
eventos-icon-2 Eventos