NOTÍCIAS

Segurança do Paciente

Estratégias para identificação e notificação de eventos adversos

Estratégias para identificação e notificação de eventos adversos
4.5
(2)

Na terça-feira (2/4), a enfermeira Karina Pires, diretora operacional do IBSPInstituto Brasileiro para Segurança do Paciente, apresentou estratégias para fortalecer a notificação de incidentes em um webinar ao vivo na página do IBSP no Facebook. Quem não conseguiu acompanhar a transmissão pode assistir ao conteúdo na íntegra, no vídeo ao final do texto, ou no canal do IBSP no Youtube.

Um sistema de notificação de eventos adversos em pleno funcionamento é fundamental para guiar as ações do Núcleo de Segurança do Paciente das instituições de saúde. Ele ajuda a detectar problemas, na forma de um relato vindo dos próprios colaboradores. Muitas vezes, esses incidentes não aparecem no prontuário, o que prejudica a identificação e o consequente processo de prevenção e melhoria. “O sistema de notificação é uma ferramenta de aprendizado organizacional”, afirma Karina.

>> Como implantar o Núcleo de Segurança do Paciente?
>> Análise de eventos adversos: os desafios da investigação de erros em saúde

Além das notificações vindas das equipes, os integrantes do Núcleo de Segurança podem adotar estratégias de busca ativa de eventos adversos, como uma maneira de identificar padrões e modos de falha. Mas é importante que a busca ativa seja apenas um complemento do sistema de notificação, não a sua essência. A seguir, algumas estratégias de busca ativa:

– Revisão de prontuário
Feita com foco, verificando a aplicação de protocolos. Exige tempo e dedicação

– Relatórios gerenciais das unidades
Ajudam na identificação de incidentes. Em geral, podem ser encontrados com a enfermagem

– Comissões obrigatórias (Revisão de Óbito e Controle de Infecção Hospitalar)
Podem ser uma boa fonte. Todas as infecções confirmadas pela CCIH devem estar no sistema de notificação

– Equipe de resposta rápida
Paradas respiratórias e cardiorrespiratórias em unidades abertas são um indício de falha nos protocolos de identificação precoce

– Equipe multidisciplinar de terapia nutricional
Para ajudar a localizar casos de desnutrição intra-hospitalar que poderiam ser evitados

– Ouvidoria/Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC)
Reclamações de cunho técnico sobre a assistência podem ser uma boa fonte

Como estruturar um sistema de notificação é um dos tópicos do curso online do IBSP “Implantação do Núcleo de Segurança do Paciente”, ministrado pela enfermeira Eliana Argolo, consultora do IBSP. O curso está na plataforma de ensino a distância (EAD) do IBSP. É dividido em sete módulos e exige 12 horas de dedicação. Não é necessário esperar pela abertura de turmas. Ele pode ser feito a qualquer momento. Saiba mais.

Descrição do conteúdo do curso online "Implantação do Núcleo de Segurança do Paciente", que inclui tópico sobre sistema de notificação de incidentes

 

 

field_55e6f4537c643

Avalie esse conteúdo

Média da classificação 4.5 / 5. Número de votos: 2

Outros conteúdos do Acervo de Segurança do Paciente

Tudo
materiais-cientificos-icon-mini Materiais Científicos
noticias-icon Notícias
eventos-icon-2 Eventos