NOTÍCIAS

 7 passos essenciais no manejo de pacientes para prevenção de lesão por pressão

0
(0)

Entre as dicas estão: não arrastar o paciente, evitar deixar a cabeceira do leito acima de 30 graus e garantir que os calcâneos não fiquem em contato com a cama

As lesões por pressão (escaras) ocorrem quando há pressão constante nas proeminências ósseas, causando feridas no paciente, especialmente os acamados e com dificuldade de locomoção. Um dos grandes desafios de qualidade e segurança do paciente é justamente prevenir a lesão por pressão e várias estratégias são utilizadas nos hospitais. Entre elas, está o manejo dos pacientes.

“O manejo com foco na prevenção de lesão por pressão está intimamente associado à mudança de decúbito, que engloba desde o reposicionamento a cada duas horas até garantir que os calcâneos não estejam em contato com a superfície da cama”, afirma Danivea Poltronieri, enfermeira do Hospital Israelita Albert Einstein, especialista em Estomaterapia e membro do conselho fiscal da SOBEST.

Leia mais

Três pacientes morrem a cada cinco minutos por causas evitáveis

Lesão por pressão pode levar até à internação prolongada, sepse e mortalidade

6 metas internacionais de segurança do paciente

 

Saiba mais

 

Avalie esse conteúdo

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Comente

Veja outros conteúdos

Tudo
materiais-cientificos-icon-mini Materiais Científicos
noticias-icon Notícias
eventos-icon-2 Eventos