NOTÍCIAS

Antibióticos: uma a cada quatro prescrições são inadequadas

0
(0)
Medicamentos: 70% das prescrições incorretas de antibiótico acontecem em consultórios (Bigstock)
Medicamentos: 70% das prescrições incorretas de antibiótico acontecem em consultórios (Bigstock)

Uma em cada quatro prescrições de antibióticos feitas nos Estados Unidos não obedecem com rigor aos critérios para indicação. O dado, divulgado em um levantamento do BMJ, é resultado do cruzamento do diagnóstico de quase 20 milhões de pacientes durante o ano de 2016 com as 15 milhões de prescrições feitas por seus médicos (1).

INSCRIÇÕES ABERTAS: IV Simpósio Internacional de Qualidade e Segurança do Paciente

Cerca de 40% receberam pelo menos uma prescrição de antibiótico nesses 12 meses, das quais 23,2% eram inapropriadas e 35,5% possivelmente inapropriadas. Outros 28,5% das prescrições não estavam associadas a nenhum diagnóstico, um indício de que poderiam ser reedições de antigas receitas, depois de consultas por telefone ou virtuais, em que o paciente não foi examinado. Apenas 13% das prescrições atendiam aos critérios de indicação corretos.

>> Quinolonas e fluoroquinolonas: agência europeia levanta restrições e suspende algumas drogas

A prescrição incorreta de antibióticos é uma das principais causas dos avanço da resistência aos antimicrobianos. A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera o problema uma das mais graves ameaças à saúde pública. Estima-se que, até 2050, uma pessoa morrerá a cada três segundos no mundo em razão da falta de medicamentos eficazes para combater infecções. No novo estudo, os antibióticos mais prescritos foram azitromicina (19%), amoxicilina (18,2%) e amoxicilina mais clavulanato de potássio (11,6%).

>> Aqui está sua não-prescrição: o remédio para quem quer, mas não precisa de antibiótico

O levantamento americano sugere que a principal fonte de prescrições inapropriadas para pacientes que não estão internados são os consultórios médicos (70,7%). Mas as instituições saúde também têm sua parcela de culpa: 11% foram recebidas após os pacientes passarem por serviços de emergência. As três condições mais associadas a prescrições inadequadas são bronquite, infecção do trato respiratório superior e sintomas respiratórios, como tosse.

>> Causa da morte: resistência a antimicrobianos. Por que ela não vai para o atestado de óbito?

 

SAIBA MAIS

>> Chua, K.-P., Fischer, M. A., & Linder, J. A. (2019). Appropriateness of outpatient antibiotic prescribing among privately insured US patients: ICD-10-CM based cross sectional study. BMJ, k5092. doi:10.1136/bmj.k5092

 

30

Avalie esse conteúdo

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Comente

Veja outros conteúdos

Tudo
materiais-cientificos-icon-mini Materiais Científicos
noticias-icon Notícias
eventos-icon-2 Eventos