NOTÍCIAS

Segurança do Paciente

Uso inadequado de antibiótico em casas de repouso causa eventos adversos

Uso inadequado de antibiótico em casas de repouso causa eventos adversos
0
(0)

Eventos Adversos em Casas de Repouso

Lucas Santos Zambon

Os antibióticos são as medicações mais prescritas para pacientes residentes em asilos e casas de repouso. Entretanto, muitos desses medicamentos são prescritos de forma inadequada.

E as razões são três, principalmente: o espectro do antibiótico é inapropriado para o diagnóstico, o tempo prescrito é excessivamente prolongado, ou ausência da necessidade de o antibiótico ser prescrito.

Supõe-se que as consequências destas prescrições excessivas de antibióticos sejam a ocorrência de eventos adversos que ocorrem tanto nos pacientes que estão recebendo a medicação quanto nos demais residentes da casa de repouso.

Confira o protocolo para avaliação de suspeita de TEP

Videogames ajudam na reabilitação de pacientes com Mal de Parkinson

Ocorrências

Os eventos adversos induzidos pelo uso inadequado de antibióticos nesta população de residentes em casas de repouso são basicamente:

  • Infecção por Clostridium difficile;
  • Diarréia ou gastroenterite;
  • Seleção de organismos multirresistentes;
  • Alergias a antibióticos;
  • Outros eventos adversos por medicações.

Investigação

Para demonstrar o que acontece com os pacientes que recebem antibióticos em casas de repouso foram estudados 110.656 pacientes com mais de 65 anos ao longo de dois anos no Canadá. As instituições foram divididas em local de pouco uso (20,4 a 45,7 dias de antibiótico para cada mil pacientes-dia); uso moderado (45,8 a 62,2 dias de antibiótico para cada mil pacientes-dia) e grande uso (62,3 a 192,9 dias de antibiótico para cada mil pacientes-dia).

Foi verificado que residentes de instituições com grande uso de antibióticos estavam expostos a um risco 24% maior de sofrer os eventos adversos listados. Além disso, para cada dia adicional de uso de antibiótico nas instituições houve um aumento de 0,4% no risco de eventos adversos. A frequência com que os pacientes sofreram os diferentes eventos adversos pode ser vista na tabela 1.

Tabela 1Eventos adversos causados por antibióticos em idosos em casa de repouso

  Pouco Uso Uso Moderado Grande Uso
Clostridium difficile 0,8% 0,9% 0,9%
Diarréia ou Gastroenterite 9,9% 10,8% 11,6%
Infecção por organismo multirresistente 1,2% 1,4% 1,3%
Alergia ao antibiótico 0,0% 0,1% 0,1%
Eventos adversos gerais 0,3% 0,4% 0,4%

 

Estes resultados demonstram que deve haver uma rápida mobilização no sentido de minimizar o uso de antibióticos em pacientes em casas de repouso, partindo para um modelo de individualização e racionalização de uso conforme protocolos e sinais clínicos. Essa é uma idéia que qualquer instituição de longa permanência deve discutir e tentar implementar o quanto antes.

Referência

Daneman N, Bronskill SE, Gruneir A, Newman AM, Fischer HD, Rochon PA, Anderson GM, Bell CM. Variability in Antibiotic Use Across Nursing Homes and the Risk of Antibiotic-Related Adverse Outcomes for Individual Residents. JAMA Intern Med. 2015 Aug 1;175(8):1331-9.

 

Leia mais:

Avalie esse conteúdo

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Outros conteúdos do Acervo de Segurança do Paciente

Tudo
materiais-cientificos-icon-mini Materiais Científicos
noticias-icon Notícias
eventos-icon-2 Eventos

AVISO IMPORTANTE!

A partir do dia 1º de julho, todos os cursos do IBSP farão parte do IBSP Conecta, o primeiro streaming do Brasil dedicado à qualidade e segurança do paciente.

NÃO PERCA ESSA OPORTUNIDADE E CONHEÇA AGORA MESMO O IBSP CONECTA!